Jacohrangers

Jacohrangers

domingo, 31 de março de 2013

EPISÓDIO 40 - O ATAQUE DEFINITIVO! QUATRO MONSTROS GIGANTES!



EPISÓDIO 40 – O ATAQUE DEFINITIVO! QUATRO MONSTROS GIGANTES!

NO CAPÍTULO ANTERIOR DE JACOHRANGERS:

- ROBÔ RESERVA E GIGANTE GUERREIRO JACOHLOSSAL TRAVAM UMA BATALHA TERRÍVEL CONTRA KRORDECIMOOITAVO E KRORDECIMONONO. PARECE QUE IRÃO PERDER.
- CLICANDO NA GUIA “EPISÓDIOS”, VOCÊS PODERÃO LER UM FILME ESPECIAL DOS JACOHRANGERS, UM LONGA-METRAGEM UMA HISTÓRIA INÉDITA, SEM RELAÇÃO COM A CRONOLOGIA OFICIAL.

O QUE IRÁ ACONTECER?

- Raio Agigantador!

General Krir e General Krer sentiram seus corpos formigarem e começarem a crescer. Foram tornando-se maiores, maiores e maiores, adquirindo feições bestiais e sentindo-se cada vez mais agressivos. Não tardou para que atingissem a marca de cinqüenta metros de altura.
E então caminharam. Abandonaram as proximidades de sua base de operações e foram avançando até o local em que seus dois últimos monstros combatiam dois robôs dos odiosos Jacohrangers. Eles tomariam parte na batalha e destruiriam definitivamente os heróis.
Pelo caminho, causaram toda a destruição que puderam. Arrasaram prédios, esmagaram casas e carros e assustaram cachorros sem dono. Apesar disso, não fizeram vítimas, pois todos os habitantes de Cidadopolislândia pareciam ter deixado a cidade para irem à cidade vizinha assistirem ao “Mato Grosso do Oeste Sertanejo Universitário Festival”, um grande evento que contava com grandes nomes do gênero.

- Depois que destruirmos esta cidade, podemos ir destruir a outra! – Krer vociferou.

***

Mestre Jacoh abandonou o quartel-general dos Jacohrangers. Tinha lido em jornais que três conceituados cientistas estavam desaparecidos, e logo associou o fato com os avanços científicos que o Império Krar havia demonstrado nos últimos tempos. Não havia dúvidas sobre o que deveria ser feito.
Outro ponto importante era que se os cientistas estivessem presos na base de operação dos vilões, e Mestre Jacoh encontrasse o local, depois de libertá-los ele poderia destruir a base de operação dos vilões. Com o Imperador Krar ausente, e os generais indo lutar contra os Jacohrangers, só deveria haver soldados Krur no local.

Supondo que Mestre Jacoh realmente o encontrasse.

Após alguns minutos de investigação, procura, dedução e uma seqüência de dezoito incríveis coincidências, o mestre dos heróis encontrou a base subterrânea que abrigava os membros do Império Krar. Era um local com cheiro de putrefação, ar impuro, pouca iluminação e marcas recentes de sangue e fezes no chão.
A entrada era protegida por mais de trinta soldados Krur. Mestre Jacoh procurou enganá-los, ludibriá-los e afastá-los dali usando truques tolos e infantilóides. Funcionou com a grande maioria deles. Mas quatro soldados o viram e prontamente o atacaram.
O senil e carcomido mestre não tinha mais a força e habilidade de outrora, mas conseguiu nocautear os oponentes, sem chamar a atenção de outros soldados. Mas então teve a estúpida idéia de comemorar seu triunfo aos berros:

- Tomem! Miseráveis! Acharam que poderiam me derrotar? Acham que estão lidando com quem?

E o berreiro desnecessário protagonizado pelo Mestre Jacoh atraiu algo em torno de oitenta soldados Krur. Eles bloquearam a entrada principal da base subterrânea e cercaram o invasor.

E então o atacaram.

***

Gargalhando como monstros gigantes, os Generais Krir e Krer se colocaram lado a lado com Krordecimooitavo e Krordecimonono. Eram quatro, ainda que os dois monstros estivessem bastante feridos. Contra dois robôs muito próximos de tombarem derrotados. Antes do embate decisivo, as tradicionais bravatas:

- Hoje acabaremos com vocês, Ódoborogodórangers! – Krir vociferou – Façam suas preces.
- O nome deles é Jacohrangers! – Krer corrigiu.
- O nome deles não é o importante!
- Seja como for, hoje destruiremos vocês! E depois destruiremos seu mundo! – gritou Krer.
- Gueuy jafjoweajf feoifie ijeifjoepkro aefkokofpkawe! – grunhiu Krordecimooitavo.
- UIkjefjeke xjwherhwi jfeijpoaw efwfjjeomdfaoa! – disse Krordecimonono.
- Nunca ouvi tanta bobagem em toda minha vida... – Ruivão desabafou.

Raios vieram dos quatro monstros gigantes. O Robô reserva usou o escudo semidestruído que ainda tinha e se protegeu. O Gigante Guerreiro Jacohlossal tentou defletir os ataques com a Espada Sagrada Jacohlossal, mas acabou atingido. Mas resistiu.
Krer e Krordecimooitavo partiram para o combate corporal contra o Robô Reserva. O general desferiu socos, obrigando os heróis a se defenderem e abrirem a guarda para os ataques das garras do monstro. Parte da lataria foi danificada e explodiu. O robô perdeu o equilíbrio e precisou recuar. Antes que se recompusesse, mais ataques. O escudo caiu. Krer o tomou e o arremessou longe.
Não muito longe dali, Krir e Krordecimonono defendiam-se sem dificuldades das investidas da Espada Sagrada Jacohlossal. E quando contra-atacaram estocaram bem na região central do peito do Gigante Guerreiro, quase atingindo o compartimento em que Polaco estava. O robô quase caiu. Um novo golpe arrancou parte do ombro esquerdo da máquina de batalha.

- Não encontraram nenhum botão com ataque especial que possa nos ajudar? – João perguntava a seus amigos, de dentro do Robô Reserva.
- Alguns botões estão em japonês! – Paty reclamou.
- O que diz nesse aqui? – Ruivão perguntou a Japa.
- Esse aí é para assistirmos on-line todos os episódios de Gaoranger!
- Você que é um especialista, João, nos recomenda essa série? – Ruivão perguntou.
- Não é hora para isso! – o Jacohranger verde gritou – Além disso, eu ainda não assisti.

Novos golpes, violentos, destrutivos e vindos de lado diferentes. Robô Reserva caiu e pareceu ter um tipo de curto-circuito. Gigante Guerreiro Jacohlossal caiu sobre um joelho, sem forças para se pôr de pé novamente. Um veloz chute em sua cabeça o derrubou por completo.

- Hora do golpe final! – Krer e Krir disseram em uníssono.

***

Os Jacohrangers só tinham uma hora e meia na Terra.

***

Mestre Jacoh correu. Fugiu covardemente, deixando para trás a chance de destruir a base inimiga, deixando para trás a responsabilidade de resgatar três famílias que eram mantidas prisioneiras e deixando para trás, sobretudo, o pouquíssimo que restava de sua dignidade.
Ficava claro que, por mais que ele se esforçasse, só conseguiria derrotar todas aquelas dezenas de soldados Krur se os Jacohrangers o ajudassem. Restava-lhe apenas aguardar que a batalha deles com os monstros gigantes acabasse logo. E que eles fossem os vencedores.
Constrangido, preocupado e com a impressão de estar com um começo de diarréia, Mestre Jacoh voltou apressadamente à base dos Jacohrangers.

***

- Essa pode ser a última vez que eu faça esse pergunta com vida! – João dizia – Alguém achou algum botão com algum poder ou funcionalidade que possa nos salvar?
- Sim, vários! – era Paty, irônica e furiosa ao mesmo tempo – E como todos nós somos bacharéis no idioma japonês, sabemos até o que eles significam.
- Então será o fim! – João se lamentou.
- Japa, está muito ocupado? – Negão perguntou.
- Não! Estava pensando em ir urinar pela última vez antes de sermos destruídos. Diga!
- Tem um botão aqui que talvez possa ser útil Você que fala japonês, me responda, por favor: O que significa “Gattai”?
 
NO PRÓXIMO CAPÍTULO DE JACOHRANGERS:

Uma milagrosa função do Robô Reserva o funde ao Gigante Guerreiro Jacohlossal. Será essa força capaz de derrotar Krordecimooitavo, Krordecimonono, General Krer e General Krir? Não percam no próximo domingo:

EPISÓDIO 41 – GATTAI! FUSÃO! O ROBÔ SUPREMO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário